Por de trás das cenas. Como é feito o Marketing

Muitas imagens que vemos na internet ou mídias sociais, são fabricadas.

Softwares como o Photoshop, entre outros, facilitam melhorar as imagens antes delas irem ao ar.

Algumas são fabricadas como este exemplo do vídeo abaixo. Fica mais fácil de entender.

Dê uma olhada:

Ou como este é feito com os dentes e o sorriso de alguém:

 

Não acredite em tudo o que vê.

Saiba quais problemas bucais podem ser tratados com o Botox

Identifique aqui os sintomas que podem ser resolvidos com a aplicação de Botox.

Sorriso gengival: situação que ocorre quando há uma desproporção entre o tamanho da gengiva e o do dente, fazendo com que a primeira pareça maior. A condição não chega a prejudicar a saúde do paciente, possuindo apenas efeitos estéticos.
Toxina Botulínica

Bruxismo ou briquismo: é uma desordem funcional caracterizada pelo ranger ou apertar dos dentes, principalmente, durante o sono. Um dos sintomas mais comuns é a pessoa acordar com a mandíbula dolorida ou com dor de cabeça. O Botox é aplicado no músculo mais importante da mastigação.

Distonia: provoca espasmos localizados na região inferior da face (boca, língua e mandíbula), causando dificuldade na abertura ou fechamento da boca, no mastigar, no engolir e na articulação das palavras.

sintomasDisfunções da ATM: a articulação temporomandibular liga o maxilar ao crânio, os sintomas mais comuns de problemas na região é a sensação de que a mandíbula está ‘saltando para fora’, estalando ou até travando por um instante.

Sialorreia: ocorre quando há produção excessiva de saliva; pessoas com essa condição têm risco elevado de inalar a saliva, alimentos ou fluidos para os pulmões.

Fonte: Saúde Bucal IG

Como proteger seus lábios neste inverno

Importante ter o hábito de manter os lábios hidratados, bebendo água, se hidratando mesmo no inverno. E além disto, usar o fator 15 de proteção que hoje em dia é fácil de encontrar nas farmácias.
Com a chegada do inverno, e este ano castigando de tanto frio, os lábios sofrem muito com o ressecamento. Muito comum nesta época do ano é ter o nariz congestionado e assim, aumenta a possibilidade de respirar mais pela boca. Isto faz com que os lábios ressequem mais facilmente.
Essa desidratação causa descamação, aparecendo pequenas fissuras nos lábios e pele ao redor, feridas e sangramento. Pode parecer algo banal de fácil solução, mas além de incomodar bastante, esta situação pode favorecer infecções mais sérias causadas por fungos e bactérias.
Para evitar tanto transtorno, fique atento de como se proteger neste inverno.

Lips care

Lips care

1. Não passe a língua nos lábios para evitar o ressecamento. A saliva realmente vai aliviar o desconforto nos primeiros momentos, mas vai piorar a situação ao longo do tempo
2. Evite comer comidas muito quentes, salgadas ou apimentadas, isso irrita ainda mais a superfície labial e piora os sintomas.
Como-tratar-lábios-ressecados3. Hidrate seus lábios antes mesmo dos primeiros sinais de ressecamento aparecerem.
4. Na medida do possível evite se expor muito tempo ao vento durante os dias mais frios. Proteja-se com cachecóis por exemplo. Isto ajuda a evitar os lábios ressecados.
5. Manter as vias nasais limpas facilitam a respiração nasal e evita que você se torne um respirador bucal. Isto ajuda bastante a evitar o ressecamento dos lábios.
6. Mantenha a umidade dentro de casa entre 30 e 50%, isso vai colaborar com a hidratação da pele e dos lábios. Existem umidificadores de ambiente fáceis de ser encontrados em farmácias ou casas especializadas.
labios (1)7. Lembre-se, feridas ou fissuras que permaneçam por mais de 15 dias devem ser examinadas pelo dentista ou médico, pois o câncer de lábio pode muitas vezes parecer um simples ressecamento.
Fique atento!!
Se cuide!!

Mitos e Verdades Sobre Clareamento Dental

Clareamento enfraquece o dente.
Isto é um mito. O clareamento nada mais é que uma reação química do Peróxido sobre as manchas superficiais dos dentes. Em forma de gel, o clareador age diretamente no pigmento. Esse processo não é abrasivo e também não afeta a estrutura dos dentes.

Qualquer pessoa pode fazer clareamento.
Em parte é verdade. Em alguns casos este tipo de tratamento não tem indicação como em mulheres grávidas, crianças menores de 15 anos com o esmalte ainda não completamente formado, pacientes que apresentam doença periodontal, dentes restaurados com resinas ou cerâmicas, pacientes alérgico aos componentes da fórmula e pacientes com retração gengival. Dos outros, todos podem fazer o clareamento dental.

IMG_3813Clareamento deixa os dentes sensíveis.
Em parte. Alguns pacientes relatam apresentar sensibilidade durante ou após o tratamento. O Peróxido (agente clareador) pode penetrar em trincas, retrações, desgastes dentais onde expõem a dentina e às vezes causar sensibilidade temporária. Esta penetração no tecido da polpa pode causar uma inflamação, causando a dor.

Os dentes escurecem com o passar dos anos.

Esta é uma verdade. O efeito do clareamento dental tem duração variada, mas na maioria das vezes a cor “satisfatória” pode ficar de um a três anos. Tudo depende da dieta e cuidados que o paciente tem após o clareamento dental realizado. Pessoas com uma exposição alta a agentes cromogênicos como o café e chá, por exemplo, necessitam de um tratamento de reforço a cada ano ou até a cada seis meses. Para pessoas que tem uma exposição menor às substâncias que causam manchas, esses retoques são menos frequentes.

Cremes dentais funcionam como clareadores.
Mito. O marketing das grandes empresas de produtos de higiene oral, imprimem uma ideia que não é uma verdade. Os cremes dentais “branqueadores” não possuem agentes ativos do clareamento dental. Os Peróxidos de Hidrogênio, ou de Carbamida. Possuem sílicas (esferas muito pequenas brancas que preenchem os “poros” dos dentes, dando a sensação de branqueado. Ao parar de usar o produto, este produto vai sainda e vai se perdendo a sensação de branqueado. O problema é que por serem abrasivos, apesar de removem manchas externas e dão a impressão de dentes mais brancos, também criam uma abrasão que não tem retorno mais. Desgasta-se os dentes.

Durante o clareamento não pode ingerir bebidas e alimentos com corantes.
Verdade. Durante o período de tratamento, alguns alimentos, bebidas ou produtos devem ser evitados, pois podem interferir no resultado final do tratamento. Não que o corante do alimento vá manchar o dente, mas a durabilidade da cor alcançada com o clareamento poderá ser reduzida.

A felicidade tem um aroma próprio?

Afora um sorriso ou qualquer outro traço físico associado ao contentamento, quaisquer associações de alegria com texturas, cores ou cheiros normalmente são tomadas como pura abstração poetizada, certo? Bem, pois fique sabendo que, pelo menos em relação aos odores, a representação pode ser mesmo literal. E, de fato, não se trata apenas da alegria, mas também de odores associados a várias outras emoções humanas, conforme indicou um estudo recente.

09130001599496Conforme pesquisa publicada no site Phys.org, é possível identificar aromas associados à alegria, à raiva e à tristeza, perceptíveis por meio do suor. Para a experiência, foram convocados 12 homens jovens, todos colocados para assistir a vídeos projetados para induzir diferentes estados emocionais. Foram escolhidos participantes saudáveis, não fumantes ou usuários de quaisquer drogas, e todos foram orientados a não beber nem ingerir comidas de cheiro forte ou participar de atividades sexuais durante os testes.

O suor coletado dos participantes foi então submetido a 36 mulheres igualmente jovens e saudáveis, enquanto os pesquisadores monitoravam suas reações. A escolha de mulheres foi justificada pelo olfato mais apurado do gênero, algo já confirmado em estudos anteriores, de acordo com os responsáveis — embora nenhuma razão tenha sido dada para que as mulheres não tenham também cedido amostras de suor.

Alegria contagiante

Mulheres-russas-Ucrânia-fotos-50Como resultado dos testes, os pesquisadores descobriram que o comportamento das mulheres após cheirar cada uma das amostras indicou correlação emocional com os estados apresentados pelos homens — de maneira que o suor emitido em estados de emoção positivos puderam produzir efeito semelhante nas mulheres.

“O suor humano produzido quando uma pessoa está feliz induz a um estado similar de felicidade em alguém que inala aquele odor”, disse o professor da Koc University of Istanbul (Turquia) e do Instituto Superior de Psicologia Aplicada (Lisboa) Gun Semin, um dos responsáveis pelo estudo.

O resultado, portanto, foi tomado como uma dupla surpresa. Não apenas há um odor associado à felicidade, mas esse odor ainda é capaz de transmitir um estado de ânimo semelhante às pessoas ao redor — embora algo semelhante já houvesse sido provado em relação aos sentimentos negativos.

Os pesquisadores esperam agora poder isolar os componentes químicos que, em última análise, estão associados a esses estados. Perfumes de “felicidad”? Um passo considerável para terapias aromáticas, tornando-as mais focadas no tratamento de estados depressivos e de ansiedade?

Pois é. É esperar para ver.

Escovar os dentes aumenta a autoconfiança

Escovar os dentes após cada refeição é uma parte regular da rotina de todos. É um grande investimento em si mesmo, não só para sua saúde bucal, mas também para sua autoconfiança. Quando você se sente bem com você mesmo, sua confiança aumenta em qualquer situação. Aqui estão algumas maneiras de como escovar os dentes pode levar a maior autoconfiança.

nutricion-fluor-668x400x80xXDeixe uma impressão duradoura com seu sorriso

Uma das primeiras coisas que as pessoas notam em você é seu sorriso. É uma coisa que todos temos consciência, quando você se sente bem quanto a seu sorriso automaticamente tem mais confiança em si mesmo. Então, você definitivamente deve fazer seu sorriso trabalhar por você fazendo da escovação uma parte regular da sua rotina. A fim de manter seu sorriso em dia, você primeiro deve começar com a escova de dente. Você só consegue uma boa escovação se usar uma escova de dente adequada a suas necessidades e recomendada pelo seu dentista.

Ter uma boa conversa começa com um hálito fresco

Não há nada mais embaraçoso que desagradar uma pessoa com quem você conversa com seu hálito não tão agradável. Quando você tem mau hálito, não só você fica envergonhado, como também fica menos propenso a falar algo quando a oportunidade perfeita aparece para compartilhar algum pensamento inspirado com seus amigos e colegas.

Existem muitas coisas que você pode fazer para efetivamente tratar seu hálito. Além de escovar os dentes toda noite, escovar sua língua pode ajudar a matar muitas bactérias que causam o mau hálito.

Ter uma boa rotina de cuidados dentais levará a grandes mudanças em sua saúde bucal e ajudará a aumentar sua confiança. Com um grande sorriso e um hálito limpo e fresco você estará pronto para sair pelo mundo.

Fonte: Flickr

Se eu beber água mineral, estarei obtendo flúor suficiente?

Flúor-na-Água-Uma-Fraude-CientíficaSe a água mineral for sua fonte principal de água de consumo, você poderá não estar obtendo flúor em quantidade suficiente. Enquanto o flúor é adicionado na água de abastecimento público em 60% dos municípios do Brasil para reduzir a cárie dental, a maioria das águas minerais disponíveis no mercado não contém níveis ideais de flúor.

Diversos fatores são importantes para saber se você está recebendo ou não flúor suficiente, entre eles:

  • O nível de flúor na sua água mineral, que pode variar muito entre as diferentes marcas. Se a quantidade de flúor não aparecer no rótulo, peça informações à empresa responsável.
  • A quantidade de água mineral que você bebe durante o dia.
  • Se você usa a água mineral para beber, cozinhar ou preparar sopas, sucos e outras bebidas.
  • Se você também bebe água fluoretada na escola, trabalho ou outros lugares.

Se você bebe principalmente água mineral, você deve conversar com seu dentista sobre a necessidade de tratamentos complementares com flúor – especialmente se tiver filhos. Seu dentista pode recomendar complementação de flúor se achar que seu filho não está recebendo níveis adequados de flúor.

Fonte: Colgate

Coworking em Odontologia

O que é COWORKING?

Coworking

É um modelo de trabalho que se baseia no compartilhamento de espaço e recursos de escritório ou clínica, reunindo pessoas que trabalham não necessariamente para a mesma área de atuação.

É uma maneira utilizada por muitos profissionais autônomos para solucionar o problema de isolamento do modelo de trabalho.

Pessoas e empresas usuárias de coworking também utilizam este modelo de trabalho para estabelecer relacionamentos de negócios onde oferecem e/ou contratam serviços mutuamente. Alguns destes relacionamentos também visam favorecer o surgimento e amadurecimento de ideias e projetos em grupo.

O nosso projeto em particular, visa oferecer este modelo para profissionais da saúde, como dentistas, dermatologistas, etc

Estamos situados na cidade de São Paulo, no endereço R. Rafael Iório, 199 no Campo Belo, bem próximo do aeroporto de Congonhas.

Conheça mais sobre o Coworking em Odontologia clicando aqui.