Alimentos que ajudam a preservar o sorriso

O blog já falou diversas vezes sobre o clareamento dental, um dos tratamentos mais procurados pelos pacientes quandoAlimentos que ajudam a preservar o sorriso chegam ao consultório do dentista. Afinal, quem não quer ter dentes perfeitos?

Algumas sessões de clareamento são suficientes para a pessoa perceber a diferença, mas existem alguns cuidados – principalmente com os alimentos – que devem ser tomados nos primeiros dias.

Mas você sabia que alguns alimentos podem te ajudar a preservar o sorriso branco?

ABACAXI

O abacaxi pode auxiliar no clareamento dos dentes, isso por causa de uma enzima contida na fruta: a bromelina, que atua como removedor de manchas natural.

MAÇÃ

A fruta ajuda a limpar os dentes a cada mordida e também estimula o fluxo da saliva.

PÊRA

Com benefícios muito parecidos com os da maçã, a pera ajuda a eliminar a placa, limpa naturalmente os dentes e ajuda na produção da saliva.

Alimentos que ajudam a preservar o sorriso MORANGO

A fruta contém ácido málico (adstringente natural) que ajuda a remover manchas. A vitamina C, também presente no morango, combate o acúmulo de placa bacteriana.

ESPINAFRE

A verdura consegue limpar naturalmente os dentes e aumenta a produção de saliva.

BRÓCOLIS

Contém ferro e cálcio que, juntos, formam uma barreira e ajudam a proteger o esmalte do dente.

CASTANHA DO PARÁ

Os óleos da castanha ajudam a formar uma película sobre os dentes reduzindo os riscos das bactérias grudarem neles.

QUEIJO

De acordo com um estudo publicado no General Dentistry, o consumo de queijo – o cheddar em especial – ajuda na produção da saliva e ajuda a formar uma capa protetora no esmalte do dente.

Por que trocar a escova a cada três meses?

Por que trocar a escova a cada três meses?Durante todo o mês de novembro o blog falou, deu dicas e alertou sobre a importância de manter a sua higiene bucal em dia para ficar livre de doenças.

E quando o assunto é a limpeza da boca, a primeira coisa que pensamos é a escovação. Afinal, esse é o método mais eficaz para eliminar as sujeiras que ficam escondidas entre os dentes.

E, levando em consideração todos os benefícios que uma boa higienização traz para nossa vida, nada mais justo do que cuidar direitinho da nossa grande aliada: a escova de dente.

Acontece que, algumas pessoas, não tomam os devidos cuidados. Pelo menos foi o que indicou uma pesquisa realizada aqui no Brasil.

De acordo com ela, apenas 1 em cada 3 brasileiros troca a escova de dente no intervalo indicado pelos dentistas – a cada 90 dias. A maioria faz a troca após 18 meses de uso.

A atitude é extremamente prejudicial, porque com o passar do tempo as cerdas do produto começam a se desgastar, diminuindo sua eficácia de remoção da placa bacteriana responsável por causar doenças periodontais.

Além disso, ela se transforma em um depósito de germes, bactérias e fungos que podem trazer prejuízos além da boca. Vale lembrar também que quando ficamos resfriados depositamos os vírus em nossas escovas, por isso, é preciso substituí-las para evitar uma reinfecção.

Saburra lingual e o mau hálito

Saburra lingual e o mau hálitoA saburra lingual (ou biofilme) é uma placa bacteriana que reveste o dorso da língua deixando-a esbranquiçada, amarelada ou amarronzada. Além disso, ela é a principal causa do mau hálito.

Essa placa bacteriana é causada quando há a diminuição da produção de saliva, ressecamento da boca ou descamação da mucosa. Línguas que apresentam muitas fissuras são as mais propícias de apresentar o problema.

Pessoas com saburra lingual apresentam diversos sintomas, como a língua áspera, mudança na coloração, alterações no paladar e, como já dito, mau hálito.

O diagnóstico pode ser feito por seu dentista que é capaz de reconhecer o problema pela aparência da boca. E, em alguns casos, é necessário fazer uma investigação mais profunda porque a condição pode indicar doenças mais graves.Saburra lingual e o mau hálito

A prevenção pode ser feita por meio do aumento do fluxo salivar ou a diminuição da descamação da mucosa, através do tratamento adequado que será aconselhado por seu dentista. E, claro, fazer a higienização bucal (escovando a língua) é uma boa maneira de evitar o transtorno.

No mercado há diversas opções de produtos e limpadores linguais que podem auxiliar na limpeza.

Por que a saúde começa pela boca?

Por que a saúde começa pela boca?Você provavelmente já ouviu a frase: “a saúde começa pela boca”. E a afirmativa é verdadeira, afinal uma boca saudável e bem cuidada previne problemas em todo o nosso organismo.

A boca é a porta de entrada de muitas doenças e quando a nossa saúde oral não está equilibrada bactérias e fungos comuns nessa região podem se proliferar e atingir outros órgãos.

Algumas pesquisas recentes indicaram que a periodontite pode estar ligada ao desenvolvimento de doença cardiovascular. De acordo com os pesquisadores, isso ocorre porque as proteínas inflamatórias presentes no periodonto podem ir para a corrente sanguínea.

Mas, calma, todos esses males podem ser prevenidos seguindo algumas dicas básicas.

Olha só:

  • Tenha uma dieta balanceada e rica em legumes, verduras e frutas;
  • Evite consumir alimentos ácidos e com muito açúcar;Por que a saúde começa pela boca?
  • Mastigue bem e demoradamente antes de engolir o alimento;
  • Não use os dentes para abrir garrafas, cortar plásticos ou linhas;
  • Use o fio dental todos os dias (ele é extremamente importante no combate as placas bacterianas);
  • Escove – bem – os dentes depois de todas as refeições, ao acordar e antes de dormir.

Seja paciente e dedique alguns minutos do seu dia para cuidar dessa parte tão importante do seu corpo. 5 a 10 minutos por dia são suficientes para manter a higiene bucal em dia.

 

 

O que você precisa saber sobre o câncer de boca

A taxa de pessoas afetadas pelo câncer bucal aqui no Brasil tem crescido e, a cada ano, são registrados, aproximadamente, 14 mil novos diagnósticos. A doença é silenciosa e, na mO que você precisa saber sobre o câncer de bocaaioria das vezes, só é descoberta em um estágio avançado. Acontece que, se descoberto em fase inicial, o câncer de boca tem até 100% de chance de cura.

O problema atinge mais os homens e, aproveitando o movimento Novembro Azul (que tem o objetivo de conscientizar a população sobre as doenças masculinas) nós fizemos um resumo do que você precisa saber sobre o assunto.

O QUE É

É um tumor maligno que atinge a boca e parte da garganta e pode se desenvolver nos lábios, mucosas, gengivas, céu da boca, língua, amígdala e glândulas salivares.

CAUSAS

O cigarro e o álcool contribuem diretamente para o desenvolvimento do câncer bucal. Quem fuma e bebe excessivamente tem o maior risco de desenvolver a doença.

FATORES DE RISCO

Pessoas com mais de 40 anos que tenham o hábito de fumar e consumir álcool excessivamente são propícios à doença. A má higiene oral e o uso de próteses dentárias mal-adaptadas também podem ser fatores de risco.

SINTOMAS

O câncer de boca se manifesta em forma de feridas na boca ou no lábio que não cicatrizam, dor de garganta que não melhora, manchas esbranquiçadas ou avermelhadas na parte interna da boca ou lábios. Em casos mais avançados é possível aparecer caroços no pescoço, perda de peso, dificuldade em falar ou engolir e mau hálito.

TRATAMENTO

O tratamento pode ser feito com cirurgia, radioterapia e métodos terapêuticos. Nas lesões iniciais, a cirurgia e a radioterapia apresentam bonsO que você precisa saber sobre o câncer de boca resultados.

PREVENÇÃO

Para diminuir o risco de ter um tumor maligno na boca é essencial reduzir ou evitar o consumo de álcool e fumo. Fazer corretamente a higiene bucal e ter uma alimentação balanceada e rica em frutas, legumes e verduras.

E não se esqueça: fazer visitas regulares ao dentista também é uma forma de prevenção.

 

Dicas simples para ter lábios macios

Muitas mulheres têm aderido à moda dos batons mates – aqueles que ficam coDicas simples para ter lábios maciosm o aspecto sequinho na boca – mas o produto exige uma boca bem cuidada, caso contrário o efeito passa do bonito para o estranho.

Acontece que a pele dos lábios é extremamente sensível e costuma ressecar com facilidade, principalmente durante o inverno e o verão. Mantê-la hidratada é imprescindível para evitar fissuras e as indesejadas descamações.

Que tal tirar uns minutinhos do seu dia para se dedicar a essa parte do corpo? Afinal, boca bonita garante um sorriso perfeito.

ESFOLIAÇÃO CASEIRA

Para deixar os lábios com aparência macia e bem hidratada é importante fazer, semanalmente, uma esfoliação completa. E o melhor é que dá para fazer em casa!

A receita é muito simples: misture uma colher de mel e outra de açúcar refinado, espalhe pela boca fazendo movimentos suaves e circulares. Para finalizar passe um hidratante labial.

HIDRATAÇÃO DIÁRIA

É muito importante usar produtos de hidratação diariamente. Manteiga de caDicas simples para ter lábios macioscau, karité e balms podem fazer a diferença.

ALIMENTAÇÃO

O consumo de alimentos com vitamina A e D evita o surgimento de fendas na pele.

Cárie: transmissão, tratamento e prevenção

A cárie é uma lesão formada pela placa bacteriana que permanece nos dentes em locais de difícil higienização. As bactérias transformam o açúcar e carboidrato em ácidos deteriorando o esmalte dental.Cárie: transmissão, tratamento e prevenção

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 80% da população sofre desse mal. E acredita-se que todo mundo terá cárie pelo menos uma vez na vida.

O sintoma mais comum é a dor de dente, mas sensibilidade com alimentos quentes ou frios e manchas escuras também podem ser indicativos do problema.

Estudos indicam que a dor causada pela cárie tem alto impacto no bem-estar das pessoas e podem interferir diretamente na qualidade de vida, causando consequências físicas, econômicas e sociais.

TRANSMISSÃO

Especialistas alertam que as cáries são transmitidas pela saliva e o simples hábito de beijar ou compartilhar talheres pode ocasionar o transtorno. A principal época de contágio é aos três anos de idade.

TRATAMENTOCárie: transmissão, tratamento e prevenção

Cada caso exige um tratamento diferente. Cáries descobertas no início costumam ter um tratamento à base de flúor que ajuda a evitar os danos causados pelas bactérias. Em outros casos, a restauração é indicada.

PREVENÇÃO

A melhor maneira de prevenir a cárie é fazendo a higienização correta da boca, com escovação e uso de fio dental diariamente. Além de visitar a cada seis meses o dentista.

Cuidados com a saúde bucal na terceira idade

Um estudo realizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) mostrou que, em 40 anos, a população idosa vai triplicar no Brasil e passará de 19,6 milhões.

E, no último sábado (01Cuidados com a saúde bucal na terceira idade), foi celebrado o Dia Internacional da Terceira Idade. Pensando nisso, o Blog separou
alguns cuidados que o idoso deve ter com a saúde da boca.

PROBLEMAS COMUNS

Alguns problemas bucais, apesar dos cuidados, são muito comuns nessa fase da vida. É muito importante que a pessoa tenha conhecimento e consiga identificar anormalidades. Dessa forma, é mais fácil procurar ajuda.

XEROSTOMIA

Algumas pessoas podem sentir a boca seca e isso pode ser causado pelos medicamentos ou por distúrbios da saúde. Beber muita água e mascar chiclete pode aliviar o sintoma, mas se não for tratado por um profissional, o problema pode prejudicar os dentes.

DOENÇA PERIODONTAL

A gengivite afeta pessoas de todas as idades, mas após os 40 anos ela pode se agravar. Para fugir desse problema, o ideal é ter uma alimentação saudável e balanceada, cuidar da higiene bucal e não fumar.

SENSIBILIDADE

Com o tempo os dentes podem ficar mais sensíveis. Isso ocorre porque a gengiva se desloca para cima e faz com que a raiz dos dentes fique exposta, causando dor quando a pessoa ingere bebidas frias ou quenCuidados com a saúde bucal na terceira idadetes. Caso você sinta estes sintomas, use um creme dental indicado para o problema e não deixe de consultar o dentista.

Muita gente associa que perder o dente na terceira idade é um processo comum, mas isso é um mito. Especialistas garantem que, se cuidados com precisão, eles podem durar a vida toda.

Por isso, uma boa higienização diária (escovação e fio dental) e visitas periódicas ao dentista são essenciais para manter a saúde em dia.

Dicas para o seu clareamento dental

Para que o seu clareamento dental tenha bons resultados e uma longa duração é importante tomar alguns cuidados. Pensando nisso, separamos algumas dicas para você colocar em prática durante e após o clareamento dental.

Durante o tratamento

  1. É recomendável evitar o consumo, em excesso, de alimentDicas para o seu clareamento dentalos e bebidas com cores fortes, principalmente que tenham em sua composição corante;
  2. Evite alimentos ácidos, temperos fortes e sucos cítricos, isso porque o pode trazer alguma reação de sensibilidade nos dentes;
  3. Não fume;
  4. Evite usar antissépticos bucais e creme dental colorido (por causa do corante);
  5. Mantenha a higiene bucal em dia com o uso do fio dental e pasta de dentes fluoretada;

Mantendo os dentes brancos por mais tempo

  1. O uso de canudo ao ingerir bebidas pigmentadas (refrigerantes, sucos) pode evitar aparecimento de manchas;Dicas para o seu clareamento dental
  2. Evite beber chá e café várias vezes ao dia pode prolongar os resultados do clareamento;
  3. Escove ou enxague os dentes logo após consumir alimentos ou bebidas que podem manchá-los;
  4. De acordo com a ADA (Associação Dentária dos EUA), o consumo de alguns alimentos como maçã, pêra, cenoura, pepino, aipo e couve-flor ajuda a manter os dentes limpos e elimina as bactérias;
  5. Ao consumir comidas e bebidas ácidas aguarde, em média, 30 minutos antes da escovação. Ácidos enfraquecem o esmalte dos dentes e a escovação no momento em que ele está enfraquecido pode danificar os dentes;

Com o tempo é comum que os dentes voltem a ter manchas e, na maioria das vezes isso ocorre por causa dos hábitos de vida do paciente: fumar, beber refrigerantes ou comidas com alto teor de corante. Mas fazendo a prevenção o seu clareamento pode durar mais.

Cuidado com os dentes durante a gravidez

Para a maioria das mulheres a gravidez é um momento de descobertas, surpresas e dúvidas. ÉCuidado com os dentes durante a gravidez também nesse período que os cuidados com a saúde devem ser redobrados.

Fazer o pré-natal, praticar exercícios e ter uma alimentação regrada são orientações básicas e essenciais para que a gestação seja mais tranquila e livre de sustos.

Outro fator muito importante e que também influencia diretamente a vida da mamãe e do bebê é o cuidado com os dentes. Isso porque, o corpo da mulher passa por diversas mudanças que afetam sua saúde bucal.

Um estudo realizado pela Universidade Federal de Juiz de Fora, Minas Gerais, contatou que 88% das gestantes em acompanhamento, 83% apresentavam algum problema periodontal, como inflamações ou infecções na gengiva.

O motivo, de acordo com a pesquisa, é a maior produção de estrogênio e progesterona pela placenta. Esses hormônios fazem modificações vasculares que acabam facilitando o ataque de bactérias.

Há indícios de que grávidas com problemas odontológicos correm o risco de ter partos prematuros oCuidado com os dentes durante a gravidezu dar à luz a bebês com baixo peso. O que acontece é que as bactérias que promovem essas inflamações entram em contato com a corrente sanguínea e se fixam na placenta e no líquido amniótico.

Por isso, o acompanhamento odontológico e a higienização correta – escovar os dentes após as refeições, usar o fio dental e evitar o consumo excessivo de doces é a melhor forma de evitar transtornos.

Está grávida e tem alguma dúvida sobre o assunto? Entre em contato com a gente!